Miguel Viegas em AvancaMiguel Viegas, deputado do PCP no Parlamento Europeu e candidato da CDU - Coligação Democrática Unitária às próximas eleições legislativas pelo distrito de Aveiro, desdobrou-se mais uma vez em contactos ao longo de todo o fim de semana. Acompanhado sempre de diversos candidatos e ativistas da CDU, a comitiva da CDU passou sucessivamente pelo mercado de Santiago na cidade de Aveiro, pelo centro da Vila de Avanca, no concelho de Estarreja, finalizando o dia de sábado num jantar de campanha em Oliveira de Azeméis. O dia de domingo foi inteiramente dedicado ao concelho de Ovar com uma distribuição na Praia do Furadouro.

Miguel Viegas no FuradouroA cada dia que passa fica mais claro o completo descrédito da política de exploração e empobrecimento, seja ela praticada com a chancela do PS ou da coligação PSD-CDS. A crise e as dificuldades sentem-se em toda a parte e são o tema central de quase todas as conversas. Cresce a confiança na existência de um projeto alternativo que mobilize as populações e as faça acreditar que, com a força do povo, é possível dar a volta à situação e interromper este ciclo infernal de estagnação social e económico em que o país se encontra. É neste sentido que a candidatura da CDU se posiciona, procurando levar a cabo uma grande campanha de contato direto com as populações, multiplicando-os e procurando esclarecer a população e os trabalhadores sobre o seu programa político para a região e para o país.

Miguel Viegas em Macieira de SarnesO distrito de Aveiro reflecte as políticas recessivas dos sucessivos PEC 1 /2/3 do PS, e com o Pacto de Agressão do actual governo. O desemprego, a emigração e a perda de serviços públicos essenciais afetam hoje a região onde os salários são mais baixos do que a média nacional. Neste sentido, é mais que tempo do distrito de Aveiro contribuir para aumentar o número de deputados da CDU na Assembleia da República contribuindo assim para uma viragem à esquerda das políticas governativas.

Comissão Coordenadora Distrital da CDU – Coligação Democrática Unitária
Aveiro, 27 de Julho de 2015

Para o topo