Educação

Sobre as notícias da brutal diminuição das candidaturas ao Ensino Superior

Desde 2008 que as candidaturas de estudantes ao ensino superior têm vindo a diminuir. Este ano foram quase menos 3 000 candidatos do que em 2012, algo que não nos deve surpreender dado o rumo que este Governo traça para o país, para a educação e para os jovens. De 2012 para 2011 foram menos 1516 candidaturas, o que já significava menos 7000 candidaturas do que em 2010.

E ainda é preciso ter em conta que, o número de vagas, tem sido diminuido, vejamos as 51 461 mil vagas disponíveis este ano são o número mais baixo desde 2009. Todo este quadro traduz os objectivos bem claro da Troika portuguesa e da Troika estrangeira que promovem uma política de destruição de direitos, da vida e do futuro. No que toca a educação, como é visível, o desinvestimento e consequente aumento de custos para os jovens e as suas famílias, excluem muitos de poderem estudar, sendo apenas cerca de 27% dos jovens que têm condições para aceder ao ensino superior.

Sobre a renovação do passe sub_23

Dentro das grandes afrontas realizadas por este governo aos estudantes, o fim passe sub23 com 50% de desconto, apesar de muita contestação por parte dos estudantes, foi progressivamente extinto, tendo grande impacto nos direitos economicos e sociais dos estudantes. Esta extinção, também por força da luta, não foi total, existindo ainda o passe sub23, mas que é apenas acessível a estudantes bolseiros, com um desconto de 60%.


Para o topo