Nota de imprensa da Comissão Concelhia de Albergaria-a-Velha do PCP

Foi com grande preocupação que a Comissão Concelhia de Albergaria-a-Velha do PCP tomou conhecimento, através da imprensa regional, que a estação ferroviária de Albergaria e terrenos adjacentes iriam ser entregues à Câmara Municipal e que esta, por sua vez, se prepara para entregar aos privados.

O PCP, há muito, tem tomado posição no sentido da necessidade de manutenção e reestruturação desta linha férrea que julgamos ser essencial para a região, prestando um serviço público essencial ao longo de um trajecto entre localidades, onde a ausência de transportes públicos é uma realidade.

Um Executivo Municipal que tivesse como prioridade defender os interesses da população e do Concelho, teria exigido ao Governo e à ex-Refer a requalificação desta via férrea que, como afirma o PCP, presta um serviço público essencial à população de várias localidades, e não aceitaria ser corresponsável pelo encerramento definitivo desta centenária e histórica Linha do Vale do Vouga.

A Comissão Concelhia de Albergaria-a-Velha do PCP, mesmo considerando que o serviço prestado, neste momento, pelo «Vouguinha» é desajustado, reafirma a sua oposição ao encerramento desta linha férrea e irá continuar a exercer pressão junto do futuro Governo, no sentido de reverter este negócio, da defesa da rede nacional ferroviária e da restruturação, requalificação e funcionamento da Linha do Vale do Vouga.

Esta decisão é mais um passo para enterrar o «Vouguinha» e cabe à população do concelho de Albergaria rejeitá-la. Em defesa da Linha do Vale do Vouga e da mudança que o nosso País precisa apelamos ao voto na CDU, como expressão do descontentamento de todos os que são atingidos por esta política e aspiram a uma vida melhor.

Comissão Concelhia de Albergaria-a-Velha do PCP

26.09.2015

Para o topo