Depois na 6a à noite ter realizado um jantar de com dezenas de activistas da Mealhada, a CDU prosseguiu hoje a sua campanha de contacto, neste que é o derradeiro fim de semana antes das eleições. Com a militância abnegada dos seus activistas e simpatizantes, os vários candidatos da CDU desdobram-se em iniciativas em diversos concelhos do distrito.

Pela parte de Miguel Viegas, sempre acompanhado pelo mandatário Adelino Nunes e de outros candidatos em função das localidades visitadas, a CDU esteve hoje presente nos mercados de Ovar e Espinho. A paragem de almoço foi em Pardilhó com uma grande recepção no parque da Ribeira da Aldeia, tendo a tarde sido dedicada à Feira das Colheitas em Arouca.

Superando as expectativas quer no número de adesões daqueles que juntam nas iniciativas, quer na simpatia crescente das populações e dos trabalhadores relativamente às suas propostas, a CDU prossegue com uma grande campanha de massas baseada no contacto direto com as pessoas e pela mobilização para a mudança necessária que só a CDU está em condições de promover.

Nota de imprensa da Comissão Concelhia de Albergaria-a-Velha do PCP

Foi com grande preocupação que a Comissão Concelhia de Albergaria-a-Velha do PCP tomou conhecimento, através da imprensa regional, que a estação ferroviária de Albergaria e terrenos adjacentes iriam ser entregues à Câmara Municipal e que esta, por sua vez, se prepara para entregar aos privados.

O PCP, há muito, tem tomado posição no sentido da necessidade de manutenção e reestruturação desta linha férrea que julgamos ser essencial para a região, prestando um serviço público essencial ao longo de um trajecto entre localidades, onde a ausência de transportes públicos é uma realidade.

Os candidatos da CDU, Miguel Viegas, João Sousa e Tânia Simões, estiveram hoje no concelho de Oliveira do Bairro em contacto com as populações. Bem cedo, a caravana da CDU esteve à porta da Levira, apelando ao voto dos trabalhadores para a CDU, a força que melhor defende os interesses de quem trabalha. No seu programa, a CDU defende uma mais justa repartição do rendimento nacional com a valorização dos salários e das pensões. Aumentar o rendimento disponível das famílias, através de uma política fiscal mais justa, é também a melhor forma de dinamizar o mercado interno e contribuir para o relançamento do crescimento da economia.

Nota de Imprensa da CDU / Stª Mª da Feira

Numa semana em que se fez nota de um estudo da universidade do Porto onde se fazia a observação da má qualidade do ar que se respira dentro de edificações escolares, a CDU Feira, no âmbito das suas iniciativas programadas para a campanha “Legislativas 2015” levou a efeito uma jornada de esclarecimento e denúncia, sobre os riscos da presença de amianto nas coberturas das edificações escolares.

Esta iniciativa de campanha, que ocorreu à entrada da escola secundária de Fiães, sede do agrupamento de escolas Coelho e Castro, era essencialmente dirigida a encarregados de educação, professores e auxiliares de ação educativa, ocorreu logo à entrada para o primeiro tempo das atividades letivas da manhã, visava informar os elementos desta comunidade escolar e assim, simbolicamente, servir de alerta para todas as outras comunidades que padecem deste gravíssimo problema de saúde pública no concelho de Santa Maria da Feira e no país.

Este grave problema é sistematicamente passado para segundo plano, sendo tantas vezes dissimulado com obras de remedeio no sentido de enganar a opinião pública mas permanecem por resolver, um pouco por todo o lado, nomeadamente em edifícios públicos debaixo da alçada das autarquias, como no caso do município feirense.

A campanha da CDU prossegue com o envolvimento dos candidatos e dezenas ativistas que se desdobram em contactos de norte a sul do distrito. Miguel Viegas, Carla Cabique, Carlos Ramos e Carla Oliveira, acompanhados do mandatário Adelino Nunes, estiveram logo pela manhã à porta de vários unidades de saúde do concelho de Ovar, rumando depois para o mercado da Murtosa. Da parte da tarde, a caravana da CDU passou por S. João da Madeira, tendo estado em várias empresas, entre as quais a Faurecia, concluindo a jornada no concelho de Ílhavo com contactos com os trabalhadores da Vista Alegre.

Miguel Viegas, cabeça de lista da CDU pelo distrito de Aveiro, esteve hoje reunido com a Comissão de Utentes de Saúde de Aveiro, num encontro onde foram debatidos um conjunto de problemas que afectam gravemente a qualidade de vida da população e, em particular, o acesso aos cuidados de saúde.

Como a CDU tem afirmado, o distrito de Aveiro tem sido um autêntico tubo de ensaio da política de direita, seja ela praticada por PS, PSD ou CDS. O direito à saúde e o Serviço Nacional de Saúde têm, por isso, sofrido os mais vis ataques, não estivesse inscrito no pacto de agressão com a Troika, assinado por aqueles três partidos, a redução forçada das despesas de funcionamento do SNS em 200 milhões de euros.

Em mais um dia de campanha, Miguel Viegas, acompanhado de diversos candidatos e ativistas da CDU esteve hoje a norte do distrito, dividindo a agenda entre os concelhos de Vale de Cambra e Ovar. Desta forma a caravana da CDU passou durante a manhã pela empresa Arsopi e pelo mercado de Vale de Cambra. Da parte da tarde, a campanha esteve à porta das empresas Provimi, Kirchhoff/Gametal, Toyota e Bosch, todas no concelho de Ovar.

Em simultâneo, realizaram-se contactos um pouco por todo o distrito. Na Feira, Oliveira do Bairro, Aveiro, Águeda, Mealhada e São João da Madeira, multiplicaram-se as acções com a presença de outros candidatos e activistas da CDU.

Das largas centenas de contactos realizados perpassa o profundo descontentamento com os efeitos das políticas de exploração e empobrecimento praticadas por este Governo. Políticas que promovem o corte de salários e pensões, as privatizações ou o ataque aos serviços públicos e que sempre tiveram na CDU uma oposição firme, lutando a par dos trabalhadores e do povo.

Para o topo