Uma delegação do Partido Comunista Português esteve na passada Quarta-Feira, dia 11 de Março, em contacto com a população de Belazaima do Chão divulgando a pergunta que o seu Grupo Parlamentar fez ao Governo sobre a falta de médico de família e do possível encerramento da Extensão de Saúde que serve a União de Freguesias de Belazaima do Chão, Castanheira do Vouga e Agadão. 

Após o encerramento da Escola, do balcão dos CTT, é agora sobre a Extensão de Saúde que pende a ameaça de encerramento que, a ser verdade, significaria que a população, serrana e envelhecida, por ela servida teria que se deslocar até ao Centro de Saúde de Águeda numa realidade, tal como as demais regiões do interior, em que não existe uma rede de transportes públicos capaz de dar resposta às necessidades. 

Belazaima do Chão não pode ficar sem Extensão de Saúde. É urgente a mobilização da população para a sua defesa, para a qual contará sempre com o apoio e solidariedade dos comunistas.


Águeda, 16 de Março de 2020
A Comissão Concelhia do PCP de Águeda

 

 

Para o topo