No passado sábado celebrou-se o 97º aniversário do PCP no concelho de   Albergaria-a-Velha, que contou com a presença de quase meia centena de militantes e simpatizantes do Partido.

O convívio, que se realizou no Sobreiro, contou com a intervenção de Mafalda Guerreiro membro do Comité Central do PCP que defendeu a necessidade de valorizar os trabalhadores e a importância da luta, pela afirmação e concretização de uma outra política – patriótica e de esquerda.

Dois anos da nova fase política nacional confirmaram o papel decisivo do PCP e da luta dos trabalhadores e do povo. Conseguiram-se a reposição de direitos como a eliminação da sobretaxa de IRS, o aumento das reformas, o descongelamento das carreiras na função pública, o aumento do abono de família, a gratuitidade dos manuais escolares até ao 2º ciclo, as micro pequenas e médias empresas estão a ter uma redução fiscal por via da redução do valor do pagamento do especial por conta, entre outros.

É, portanto, neste quadro que se vê o papel decisivo das contribuições do PCP pois, como se viu, nas questões fundamentais, o PS está ao lado do PSD e do CDS, contra os direitos dos trabalhadores, como se verificou na passada semana na votação da proposta do PCP para acabar com a caducidade, repor o tratamento mais favorável ao trabalhador e revogar as normas da desregulação nos horários.

O reforço do PCP, que conta com 97 anos de história, é essencial para melhoria de vida dos trabalhadores e do povo e na confiança de um futuro melhor.

 

22 de Março de 2018
A Comissão Concelhia de Albergaria-a-Velha do PCP

 

 


Para o topo