A deputada do PCP na Assembleia da República esteve esta manhã no concelho de Castelo de Paiva onde participou numa conferência de imprensa sobre a questão das acessbilidades deste concelho. Transcreve-se, abaixo, o texto de suporte à iniciativa.

O problema crónico das acessibilidades no Concelho de Castelo de Paiva continua lamentavelmente a arrastar-se sem as devidas e prometidas soluções sustentadas.

Com efeito, depois de sofrer de um dramático processo de desindustrialização e do consequente aumento galopante do desemprego, a par do encerramento de importantes serviços públicos, além da própria desertificação do território, a verdade é que a população paivense enfrenta ainda uma série de problemas e bloqueios em matéria de acessos e ligações rodoviárias.

Praticamente desde o fecho das Minas do Pejão, no inicio dos anos 90, que foi prometida a ligação da E.N. 222 à Auto – Estrada 1 em Stª Mª da Feira.

Não obstante terem decorrido todos estes anos e concretizados entretanto alguns troços, inclusive decorrentes do trágico acidente da ponte Hintze Ribeiro, a ligação final entre Pedorido (Z. I. das Lavagueiras) e Canedo no Concelho de Stª Mª da Feira, numa extensão de cerca de 6 Kms., está por fazer, ao contrário das sucessivas e repetidas promessas, tanto dos vários governos como do próprio poder local.

A urgência desta obra não se compadece por outro lado com novas manobras e estratagemas para a protelar indefinidamente, como seria porventura o caso de a fazer depender da concessão de fundos comunitários, tal como parecem defender PS, PSD E CDS desde a última legislatura, embora se digam favoráveis à sua concretização.

CONCLUSÃO IMEDIATA DA VARIANTE À E.N. 222 ENTRE PEDORIDO E CANEDO!

Castelo de Paiva, 20 de Junho de 2016
A Organização Concelhia de Castelo de Paiva do PCP

Para o topo