Notícias do sítio central

Últimos destaques da página do Partido Comunista Português
  • «Os problemas da floresta dependem essencialmente de investimento público»

    Em declarações à comunicação social sobre a demissão da Ministra da Administração Interna, os fogos ocorridos no país e as soluções para os problemas da floresta e do combate aos incêndios, João Oliveira afirmou que "sem prejuízo do aperfeiçoamento legislativo que é possível fazer, os problemas da floresta não dependem de alterações legislativas mas sim de investimento público, da locação de meios do estado aos objectivos não só do ordenamento da floresta, da prevenção e do combate aos fogos florestais, do apoio às actividades económicas para que possam ser sustentáveis, bem como do combate à

  • A propósito da declaração do Presidente da República

    A dimensão da tragédia traduz dramaticamente os problemas da floresta acumulados por décadas de política de direita de governos PSD, CDS e PS.
    A dimensão da tragédia exige a adopção de medidas imediatas e políticas de fundo que dêem resposta a esses problemas e não que eles sejam utilizados como pretexto para manobras parlamentares que visam apenas objetivos políticos e partidários.

  • Sobre os incêndios florestais

    Os fogos florestais trouxeram de novo a tragédia ao País. Dezenas de vidas perdidas, milhares de hectares ardidos, casas e explorações agrícolas destruídas, actividades económicas afectadas, dão expressão a esses dramáticos acontecimentos.

  • «Não desperdiçamos nenhuma possibilidade de avanço e conquista de direitos e rendimentos»

    Em declarações à comunicação social, João Oliveira reagiu à proposta de Orçamento do Estado para 2018 entregue pelo Governo na Assembleia da República, afirmando que "como o PCP tem sublinhado, não há orçamentos previamente aprovados à margem do seu conteúdo concreto. Há um compromisso de exame comum que o PCP prosseguirá na análise da proposta de Orçamento, contribuindo para limitar aspectos negativos, consolidar avanços adquiridos, dar novos passos naquilo que é positivo para os trabalhadores e o povo".

  • Orçamento tem a marca do PCP

    Amigos e Camaradas:

    Uma saudação a todos vós, aos trabalhadores e ao povo do concelho de Almada, aos candidatos, activistas e eleitos da CDU, a todos os que se envolveram na batalha eleitoral que acabámos de travar para as Autarquias Locais, mas também a todos os que deram o seu apoio e o seu voto à nossa Coligação nestas importantes eleições.

  • Defender, Repor e Conquistar Direitos

    Acabámos de travar uma importante batalha eleitoral para as autarquias locais.

    Permitam-me que, antes de mais, saúde o inestimável contributo dos nossos candidatos, dos militantes do PCP, do PEV, da Associação Intervenção Democrática, da JCP e da Ecolojovem, dos muitos milhares de cidadãos independentes que, em todo País e aqui, fizeram da campanha da CDU uma grande campanha de contacto e diálogo com as populações.


Para o topo