Comunicado da Comissão Concelhia de Estarreja do PCP

Hospital Visconde Salreu (esboço)

Na passada sexta-feira, e no âmbito da candidatura à Presidência da República de Edgar Silva, o candidato acompanhado pelo mandatário distrital, Francisco Gonçalves e o deputado do PCP ao Parlamento Europeu, Miguel Viegas, efectuaram uma visita ao Hospital Visconde de Salreu (HVS), onde tiveram a possibilidade de contactar com trabalhadores e utentes deste hospital sendo posteriormente recebidos pelo Administrador do Centro Hospitalar do Baixo Vouga, Aurélio Rodrigues, com o qual visitaram as instalações hospitalares.

Aurélio Rodrigues falou sobre o futuro do hospital, justificando as intervenções com a necessidade de criar uma unidade de cuidados paliativos e a construção de um pequeno bloco operatório, não garantindo com esta intervenção a manutenção da cirurgia de ambulatório no HVS.

Como o PCP tem vindo a alertar, o HVS perdeu definitivamente a valência de Cirurgia de ambulatório, valência essa que garantia a sua manutenção e viabilidade. Esta visita leva-nos ainda a questionar a razoabilidade da verba que o executivo camarário disponibilizou para a realização destas obras, cujo projecto não está sequer terminado e nem sequer foram ainda adjudicadas, mas que já se concretizam com as instalações em avançada fase de demolição, desde o antigo bloco operatório até à ala poente do hospital, factos relatados por Aurélio Rodrigues e constatados no local.

O PCP questiona assim a posição do executivo camarário e irá, através do seu grupo parlamentar, levar à Assembleia da República estas e outras questões que se prendem com o futuro do HVS exigindo do Governo respostas claras quanto ao que se pretende para o futuro, não deixando nunca de lutar com as populações para que o HVS se mantenha em funções com as valências necessárias para o acesso universal aos cuidados de saúde da população de Estarreja.

 


Estarreja, 21 de Dezembro de 2015

 

Para o topo