No passado sábado, 2 de Fevereiro, teve lugar no Salão Nobre da Junta de Freguesia de Avanca, a VII Assembleia de Organização Concelhia de Estarreja do PCP.

Este momento alto da discussão colectiva dos comunistas estarrejenses foi precedido de um processo preparatório com reuniões plenárias nas freguesias, cujos contributos se viram vertidos no documento que a Assembleia viria a aprovar por unanimidade.

Durante os trabalhos da Assembleia foram várias as intervenções dos participantes, que vincaram a necessidade de uma substantiva melhoria da qualidade de vida num concelho fortemente marcado pela precariedade laboral, pela poluição industrial, pelo tremendo défice de oferta de transportes públicos ou pelos graves problemas no sector na Saúde e na Educação.

Foram manifestadas ainda preocupações e feitas sugestões para permitir que o trabalho do Partido avance, chamando mais gente ao assumir de tarefas regularmente e a integrar o próprio Partido - pese embora, se terem registado já importantes avanços desde a última Assembleia, há 3 anos atrás.

Discutiu-se ainda e elegeu-se por unanimidade a nova Comissão Concelhia de Estarreja do PCP.

No encerramento dos trabalhos, Octávio Augusto - membro da Comissão Política do Comité Central do PCP - saudou os participantes e sublinhou a necessidade e importância de momentos como o daquela Assembleia para a continuação da luta pela indispensável ruptura com a política de direita, único caminho para responder aos problemas levantados e tantos outros que, apesar de interrompido o caminho de destruição protagonizado por PSD e CDS no último mandato, continuam a assolar milhões de portugueses.

A Comissão Concelhia de Estarreja do PCP
Estarreja, 5 de Fevereiro de 2018


Para o topo