Em Janeiro de 2018, devido a questões climatéricas soltaram-se algumas telhas do telhado da Escola José Ferreira Pinto Basto. Na altura a Câmara Municipal responsabilizou-se em vedar provisoriamente a área exposta até ser feita a reparação do telhado. Passados 7 meses nada foi feito, continua tudo por resolver, entrando água e danificando tudo em seu redor.

O PCP chama a atenção para esta situação insustentável que compromete o bom funcionamento, a higiene e até a segurança de toda a comunidade escolar, e pergunta: não seria a paragem prolongada do ano lectivo uma boa oportunidade para resolver de vez esta situação?

O PCP está solidário com os estudantes, pais, funcionários e professores, no seu justo descontentamento, exigindo medidas de urgência para a resolução destes problemas.

É preciso que a Câmara olhe para este problema com outros olhos, que imponha a aceleração das obras e as fiscalize devidamente.

A Comissão Concelhia de Ílhavo do PCP , tudo continuará a fazer para que as obras de reparação avancem com urgência, e continuará lutar pela defesa do direitos da população do Concelho, fundamentais para o seu desenvolvimento.

 


Ílhavo, 3 de Julho de 2018
A Comissão Concelhia de Ílhavo do PCP

 


Para o topo