Os candidatos Miguel Viegas e Filipe Guerra, candidatos à Câmara e Assembleia Municipal de Aveiro e Teresa Bettencourt, candidata da CDU à União das freguesias de Requeixo, Fátima e Nariz, estiveram ontem no terreno em contacto com as populações daquelas freguesias. A primeira denúncia, sentida pelas populações, está no próprio processo de fusão de freguesias que nada têm a ver umas com as outras, e que ficam, por vontade expressa da maioria PSD CDS que votou a proposta na Câmara Municipal, mas também do PS que aprovou o pacto de agressão com a troika, agregadas numa unidade territorial enorme e sem meios para acudir a tantas necessidades.

Aproveitando o facto destas serem freguesias marcadamente rurais, a candidatura da CDU aproveitou para denunciar a completa ausência de políticas ambientais que valorizem a ruralidade do território onde se encontram duas enormes mais valias que estão completamente desaproveitadas. Falamos da Pateira de Requeixo e das margens do Rio Novo do Príncipe este na freguesia de Cacia. Para alem no enorme valor ambiental, ambos os ecossistemas possuem características únicas para a prática de modalidades aquáticas.

Neste sentido, e tal como consta no seu programa, a CDU reclama de facto uma verdadeira política ambiental que valorize e potencie os activos ambientais do concelho, construindo equipamentos mínimos, e apostando em roteiros ou itinerários ambientais que estimule os passeios a pé ou de bicicleta, a partir das freguesias mais urbanas até às mais rurais. Assim se constrói a coesão territorial, melhorando a qualidade de vida das pessoas, e aproximando as freguesias mais afastadas no concelho.

Aveiro, 24 Setembro de 2013

A Coordenadora Concelhia da CDU

Para o topo