Apurada a totalidade das freguesias do Concelho, a Comissão Coordenadora de Aveiro da CDU, após analisar os resultados, considera que o principal objectivo, da CDU para o concelho, que passava pelo seu reforço em votos e em mandatos, foi cabalmente cumprido.

A CDU cresce em votos em todos os órgãos e freguesias, mantendo o seu eleito na Assembleia Municipal e elegendo nas freguesias de Esgueira e União das Freguesias de Glória e Vera Cruz. Não obstante ter ficado fora do executivo municipal, a CDU sai desta campanha reforçada e com melhores condições de intervir nas autarquias em defesa da qualidade de vida das populações do concelho de Aveiro.

O novo quadro eleitoral saído destas eleições para o concelho de Aveiro, com uma maioria absoluta da coligação PSD-CDS construída num cenário de falsa bipolarização, merece por parte da CDU as maiores reservas. Com efeito, a entrada em cena da candidatura pseudo-independente de Élio Maia serviu essencialmente para polarizar o descontentamento da população, deixando a candidatura de Ribau Esteves imaculada apesar de esta albergar nas suas listas autarcas com óbvias responsabilidade no mandato anterior e representar, no fundamental, a continuidade das políticas seguidas ao longo das últimas décadas, com reflexos profundamente negativos para a vida das populações.

A Comissão Coordenadora de Aveiro da CDU sublinha o facto deste resultado positivo representar, igualmente, um bom contributo para reforçar a luta contras as políticas da troika, pela demissão do governo e pela exigência de novas políticas que rompam com o actual ciclo de austeridade e recessão. Luta, esta, que terá já no próximo dia 19 de Outubro uma expressão nacional com a manifestação convocada pela CGTP/IN, em Lisboa e Porto, para a qual se apela desde já a uma forte e decida mobilização. Desta forma, e na sequência do excelente resultado da CDU a nível regional e nacional, os militantes e activistas da CDU reafirmam o seu empenhamento e total disponibilidade para continuar a luta por uma alternativa, patriótica e de esquerda, que coloque o país, a região e o concelho na via do desenvolvimento e do progresso social.

Aveiro, 30 de Setembro de 2013

A Comissão Coordenadora de Aveiro da CDU

Para o topo