Conforme tinha sido anunciado, Adelino Nunes, candidato nas listas da CDU ao PE, fez hoje uma declaração pública à porta da empresa TRECAR em S. João da Madeira.

 Declaração de Adelino Nunes :

 

Falta menos de uma semana para as eleições para o Parlamento Europeu.

Importa neste momento, fazer um curto balanço do processo de campanha eleitoral, procurando ainda sistematizar alguns dos momentos mais marcantes desta última semana.

Temos feito uma campanha de presença, esforçada, de contacto directo com os trabalhadores e as populações com significativas acções de massas, que terá ainda como momento alto o comício em Aveiro, na próxima quarta-feira com a participação do meu camarada Jerónimo de Sousa secretário Geral do PCP.

Uma campanha em crescendo, em que fomos ao encontro de milhares de trabalhadores, desempregados, reformados, jovens, agricultores, pescadores.

Uma campanha que sendo muitas vezes silenciada, não passou ao lado do Povo do Distrito de Aveiro.

Não consiste surpresa para a CDU nem para mim próprio, as dificuldades, o desânimo, a descrença da população do nosso distrito.

Não é elemento de surpresa porque, enquanto trabalhador e dirigente sindical, lido com essas mesmas dificuldades.

Intervenho diariamente na defesa dos direitos de quem trabalha e conheço-as naturalmente.

O Distrito de Aveiro tem sido profundamente atingido pelas nefastas consequências de 33 anos de politicas iguais, com diferentes protagonistas. Com efeito PS, PSD e CDS são responsáveis pelos degradantes e devastadores números do desemprego, mais de 40 Mil no Distrito, destes mais de 60% são mulheres.

Entre Abril de 2008 e Abril de 2009, o desemprego no Distrito de Aveiro cresceu 45,6%, muito acima da média 27% no continente.

É como se, no Distrito, desde Dezembro até Abril, encerrassem todos os meses, 16 empresas cada uma com 100 trabalhadores.

 

À descrença à resignação, temos procurado responder com esperança.

A concretização da esperança de quem acredita que é possível construir um mundo melhor, depende das pessoas darem os sinais, os apoios para que ela  seja possível.

 Votar CDU é contribuir para penalizar os protagonistas da política da crise, premiando pelo contrário os que, ano após ano, dia após dia intervêm na defesa dos direitos de todo um povo.

O Povo do Distrito de Aveiro, lutou muito nos últimos anos, lutou pelos direitos laborais, lutou pelos serviços públicos, lutou contra a prepotência de um governo e da sua politica, ao seu lado na luta estiveram os comunistas, será a altura também de fazer das eleições de domingo próximo mais um momento de luta, levando a luta até ao voto.

 

Os 22 deputados Portugueses no Parlamento Europeu, serão eleitos independentemente do grau de participação popular nestas eleições, o último apelo que faço é para que não deixe os outros decidirem por si, vote, vote em quem objectivamente o defende e está consigo, ajude-nos a reforçar a nossa força eleitoral, o número de deputados da CDU no Parlamento Europeu, para que com força acrescida possamos defender os interesses colectivos de todo um povo.

 

 

Contamos consigo

 

Adelino Nunes

 

Para o topo